por paulo eneas
Os indicadores econômicos divulgados essa semana, como a expectativa de queda mais acentuada da taxa de juros ainda esse ano, os records históricos sucessivos nas bolsas de valores e a recuperação lenta mas constante do nível de atividade da indústria, são benéficos para o país e devem ser celebrados. Pois entendemos que a recuperação ainda que lenta e gradual da economia brasileira, depois de ter sido destruída pelos anos de petismo, traz entre outras consequências positivas a melhoria do ambiente para o debate político, colocando-o em um patamar mais elevado.

Desde o impeachment afirmamos que uma piora do quadro econômico interessaria unicamente à esquerda. Pois um ambiente de crise econômica e de aumento do desemprego abriria espaço para as propostas de soluções socialistas e estatistas simples e erradas que a esquerda sempre está disposta a apresentar e que, mais adiante, trarão mais retração econômica e mais desemprego que, no limite, levam ao completo solapamento da economia nacional, como ocorreu na Venezuela. 

Se tivesse sido bem-sucedida a tentativa de derrubada do atual governo por meio de uma ação ilegal promovida por parte do estamento burocrático articulada com grupos econômicos monopolistas que sempre foram historicamente ligados ao petismo, como a JBS e as Organizações Globo, o resultado levaria inevitavelmente a um caos institucional e crise econômica sem precedentes, criando o ambiente que a esquerda petista e seus satélites esperam e desejam para retomar plenamente o controle do Estado brasileiro e aprofundar suas políticas socialistas. Essa tentativa golpista até o momento falhou, e a melhoria dos indicadores econômicos nos últimos dias são reflexo imediato desse fracasso golpista.

Se a retomada da atividade econômica for sustentável e se mantiver no médio prazo, sua principal consequência política será o fortalecimento do campo da direita conservadora e, por extensão, da candidatura de Jair Bolsonaro. Pois, fora de um ambiente de crise econômica, a disputa política poderá pautar-se por temas que efetivamente interessam à maioria dos brasileiros e que hoje encontram eco unicamente na voz de Jair Bolsonaro.

Se o debate político não é tensionado pela necessidade de soluções urgentes para uma crise econômica aguda, temas como a defesa da soberania nacional, direito à vida e direito de defesa, fim da impunidade e combate efetivo à criminalidade e à corrupção, revisão de nossa política externa e política imigratória, mudança radical em nosso sistema educacional, privatizações e extinção de estatais, entre outros, poderão e deverão efetivamente ganhar relevância e destaque. E quem irá beneficiar-se com essa pauta é a direita conservadora e, por extensão, a maioria dos brasileiros.

#CriticaNacional #TrueNews


 

COMPARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Como vocês podem falar em retomada das atividades da indústria se todos os indicadores foram maquiados ao estilo Argentino e Venezuelano, além da mudança da matriz econômica brasileira, onde Dilma mudou o foco dos produtos de primeira necessidade para outros menos importantes na econômica familiar brasileira?
    Como falar em retomada quando mais de 45 milhões de brasileiros no mínimo estão desempregados há pelo menos uma década?
    Voces sabem que não existe mais nação, principalmente uma nação onde todas as instituições foram tomadas de assalto pelos comunistas e fazem teatrinho mambembe para fingir que as instituições funcionam.
    Quando o brasileiro está sendo literalmente exterminado para facilitar a tomada pelo exercito islâmico que aqui está se realocando para cumprir a agenda globalista islâmico que foi acordada para nos subjugar e sobrepujar.
    Como podem falar em eleições quando a sua apuração é e foi totalmente secreta?

  2. Acontece que a população em geral, 99,999%, é uma efetiva MASSA que toma a forma que a midia (artistas, jornais e TVs) lhe dão.
    .
    Jamais ouvi alguém se indignar com o fato de Jornais e TVs terem PRIVILÉGIOS FISCAIS.
    É uma aberração que REMÉDIOS, ALIMENTAÇÃO e HABITAÇÃO sejam tributados draconiamente enquanto empresas de propaganda, Jornais e TVs tenham isenções e alicotas PRIVILEGIADAS.

    A produção teatral e cinematografica SÃO ABSOLUTAMENTE ISENTAS de IMPOSTOS e nem mesmo o INSS do empregador precisam pagar.
    Artistas recebem fortunas mensais através de empresas de produção artistica que gozam de incentivos fiscais e não só como empresas, mas também como pessoa física FAZEM CRUZAMENTO de DOAÇÕES VIA LEI ROUANET.
    .
    Ou seja, há uma classe de super milionários “comunistas” ou, mais propriamente, socialistas igualitário que USUFRUEM de GIGANTESCA DESIGUALDADE TRIBUTÁRIA, ALEM de auferirem VERBAS estatais na composição de seus milionários rendimentos.
    – EM TROCA esses MILIONÁRIOS PRIVILEGIADOS que defendem a igualdade, se deidicam a LAVAGEM CEREBRAL da MASSA POPULAR, induzindo esta a CULTUAR o Estado como uma ENTIDADE MÍSTICA, onde a ALTA HIERARQUIA ESTATAL se faz INTERMEDIÁRIA e INTERCESSORA dos FAVORES do Estado aos SUPLICANTES.
    .
    Tudo é pedido ao Estado exatamente da mesma forma que se suplica a deus: pede-se saúde, “educação (instrução), emprego, renda, prosperidade e até mesmo Justiça através de um judiciário corrupto e absolutamente CORPORATIVISTA.
    .
    Esse culto ao Estado como entidade mística, efetivamente abstrata como ser, é propagandeado pelos MEIOS de MANIPULAÇÃO de OPINIÃO que possuem um DISCURSO PADRONIZADO que facilmente se percebe sem qualquer divergência no meio.

    Um exemplo fácil de se perceber como funcionam artistas, Jornais e TVs em sua tarefa de MANIPULAR a POPULAÇÃO foi durante o PLANO CRUZADO:

    – Todos jornais e TVs alardeavam UNIFORMEMENTE que a inflação era causada pela “ganância dos empresários” e TODOS apoiavam as prisões e multas que o gov Sarney impunha às empresas e seus donos e funcionários.
    Nenhum meio de formação/manipulação de opinião ousou afirmar que os preços subiam por conta do governo emitir moeda sem lastro. Ao contrário, afirmavam que a escassez de dava por gananciosos empresários esconderem as mercadorias.
    .
    Ninguém jamais questionou a UNIFORMIDADE das noticias e análises dos meios de formação-manipulação de opinião. Um verdadeiro rebanho popular.
    .
    Da mesma forma jamais se criticou a canalhice das leis que centralizam o poder nas mãos de 11 safados que atuam como ditadores “interpretando” as leis e assim DETURPANDO-as e FALSIFICANDO-AS ARBITRÁRIAMENTE a seu bel prazer segundo interesse do momento.
    Ora, até a prisão em segunda instancia deliberada em plenário foi violada primeiro por Celso de Melo e assim provocando nova deliberação já igualmente violada por Gilmar Mendes.
    .
    PROVANDO que a tal LEI É MERO EMBUSTE para os DONOS do PODER controlarem a população escamoteando a ARBITRARIEDADE do ABSOLUTISMO ESTATAL.
    .
    Ninguém vê nada disso, nada é analisado em sua essência, mas apenas segundo a superficial aparência do momento.

  3. Precisamos de uma midia Direitista forte ao estilo INFOWARS E BREITBART americanos aqui no brasil, vcs mantedores deste site deveriam convidar para postarem materias aqui os caras do Terça Livre o Olavo de Carvalho o Eduardo Bolsonaro e o Nando Moura esses caras que são de direitas e formadores de opinião , temos que ter um site onde os conservadores brasileiros possam fazer suas reuniões de encontros todos os dias e debater idéias e noticias assim como é o INFOWARS E BREITBART nos Estados Unidos , e vale lembrar que.. ano que vem a caneta do facebook , twitter , google e youtube vão pesar legal e derrubar varios canais e paginas de apoio ao Bolsonaro , assim como fizeram na frança com a Marine Le Pen, deixando lá o caminho livre para o Macron fulminar qualquer chance de vitória dela, seria melhor termos um site onde formadores de opinião como o Eduardo Bolsonaro e o Nando Moura pudessem expor seus pensamentos atrás de colunas ou semanais ou diárias cada uma de acordo com o tempo disponivel de cada um deles em algum site de direita FORTE e porque não poderia ser este site aqui? fica ai a idéia ao pessoal mantedor desse site. queria ver esse site bombando com varios comentarias e visualizações com a galera brasileira conservadora.

COMENTÁRIO: